Conhece o Poder do Abraço?

padrao

Você já encontrou alguém que não gosta de ganhar um abraço? Se sim, é porque essa pessoa provavelmente tem alguma questão emocional mal resolvida, tem deficiência de amor consigo mesma, deve ser rígida ou não aprendeu o valor do acolhimento.

Todo mundo gosta de receber ou dar um abraço. Na verdade, essa não é só uma forma de manifestar carinho e gentileza, ele também faz um grande bem para nossa saúde emocional, espiritual e física. Ou seja, o abraço tem poder.

Mas, se olharmos ao nosso redor, vamos perceber que existem muitas pessoas, experimentando insegurança, solidão, tristeza, vazio existencial: essas pessoas podem estar carentes de um verdadeiro abraço.

Aliás, é bom lembrar que a tecnologia, o celular, a internet, facilitam e resolvem grande parte dos problemas, mas nada disso substitui o toque, o conforto, o carinho de um ombro amigo e um colo acolhedor.

Um abraço não pode ser substituído por uma tela de aparelho.

Portanto, que a nossa conexão com o mundo virtual não torne escasso o nosso abraço nas relações humanas! Afinal, além de reduzir níveis de estresse e de ansiedade, ele libera ocitocina, o hormônio da felicidade que fortalece o sistema imunológico.

Através dele podemos transmitir muitas emoções positivas como amor, gratidão, segurança, fé, amizade, alegria, conforto, tudo isso sem ter que dizer uma só palavra.

“O melhor lugar do mundo é dentro de um abraço. Pro mais velho ou pro mais novo. Pra alguém apaixonado, alguém medroso. O melhor lugar do mundo é dentro de um abraço. Pro solitário ou pro carente, dentro de um abraço é sempre quente”.

Nessa linda canção da Banda Jota Quest, dentre outras coisas, podemos reafirmar que tudo o que a gente sofre, dentro de um abraço se dissolve. Meu  abraço para essa banda por essa homenagem tão especial!

Também li em algum lugar e gostei:

“O abraço é tão sagrado que aproxima dois corações, de forma que um possa sentir as batidas do outro”.

O seu poder está em conectar almas.

Ele não pode se extinguir, mas continuar sendo um porto seguro para quem tem o privilégio de recebê-lo e ofertá-lo.

Um abraço sincero, carregado de significado, é aquele silencioso e prolongado (com duração de cerca de 20 segundos) onde expandimos a energia de emoções positivas envolvendo o coração do outro com afeto, aceitação e amor.  Com ele, as duas pessoas ganham pois, ao mesmo tempo que uma pessoa dá, ela também recebe do outro a energia que reconecta, revitaliza e restaura o coração de ambos.

Entre outros benefícios do abraço nós também podemos dizer que ele:

  • Amplia nosso  sentimento de auto aceitação
  • Minimiza ansiedade e estresse
  • Libera dopamina, hormônio do humor e motivação
  • Fortalece o sistema imunológico gerando emoções positivas
  • Equilibra o sistema nervoso
  • Fortalece conexão, possibilita o exercício do perdão, apoio e amor.
  • Agasalha nosso coração e conforta nossa alma.
  • Impacta positivamente o nosso corpo e a mente, liberando  o hormônio do amor, a oxitocina.
  • Produz a endorfina, a mesma substância química liberada após uma boa corrida ou quando comemos chocolate.

E mais: ele ainda nos a relaxar e nos sentir seguros, minimizando medos e ansiedades.

Abraçar ajuda a diminuir pressão arterial e, consequentemente, o risco de doenças cardíacas, estresse e inquietação mental. Espiritualmente falando, é um ato muito significativo porque permite que um coração repouse sobre outro coração.

Que tal olhar para a pessoa que está próxima de você e perguntar: “Me dá um abraço?”.

E procure praticar: o mínimo de sete abraços por dia é o suficiente para seu coração vibrar mais feliz!

Um sincero abraço pra você!

 

Luíza Lopes é Trainer e Diretora do INDESP.