Como construir a sua agilidade emocional?

padrao

Trabalhar em um ambiente de complexidade e mudança crescentes pode ser uma panela de pressão. A tendência é nos tornarmos mais estressados, nos comunicarmos mal e tomarmos decisões precipitadas. 

Para ser mais flexível com os contratempos, você precisa desenvolver a sua agilidade emocional. Dessa forma você passará a reconhecer que todas as emoções têm valor e podem contribuir para um ambiente de trabalho enriquecido.

Mas e como construir a sua agilidade emocional?

Confira os 4 passos indicados pela Americana Susan David, autora do livro Agilidade Emocional: abra sua mente, aceite as mudanças e prospere no trabalho e na vida: 

1. Pare e perceba o que está acontecendo. 

Esteja atento ao momento em que pensamentos e sentimentos tóxicos passam pela sua mente e os gatilhos que os despertam. Procure não ignorar essas reações, mas sim enfrentá-las, pois isso abre caminho para uma mudança positiva. 

2. Dê nome para o que você está sentindo.

Na PNL nós aprendemos que o cérebro lida com o significado que dá para as coisas. Ao nomear uma emoção você conseguirá enxergá-la de forma dissociada, ou seja, sem se misturar a ela.

3- No lugar de resistir, ignorar, procure aceitar.

Dê espaço para que as emoções e sentimentos se manifestem. Entenda a intenção positiva por trás deles e demonstre a si mesmo (e aos outros) um sentimento de compaixão pelo seu mundo interno e na sua realidade  externa. Com isso, ao invés de projetar no ambiente comportamentos reativos, você terá mais serenidade nas solicitações.

4- Siga em frente. 

Faça pequenos ajustes intencionais para alinhar sua mentalidade, motivação e hábitos com seus valores essenciais. Certifique-se de que esses ajustes estejam relacionados a quem você deseja ser na sua vida e como um líder no local de trabalho. 

Esses ajustes centrados em valores – e a partir de programas práticos e específicos como a PNL – podem representar uma diferença significativa no seu caminho para o sucesso.

Luíza Lopes é Fundadora e Diretora do INDESP.